Feminicídio! Mulher é assassinada a pauladas pelo namorado, que queria aplicar um corretivo nela - Paraíba Feminina

Breaking

segunda-feira, 2 de março de 2020

Feminicídio! Mulher é assassinada a pauladas pelo namorado, que queria aplicar um corretivo nela


Mais um crime de ódio contra mulher foi registrado. Dessa vez, o caso ocorreu em Minas e a vítima, de 33 anos, foi assassinada pelo namorado a pauladas no meio da rua, na noite desse domingo (1°), em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

O crime aconteceu por volta das 20h54, no Bairro Vila Navegantes. A Polícia Militar foi acionada e, ao comparecer ao local, os policiais encontraram a mulher com o rosto coberto de sangue.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi chamado e um médico constatou a morte da vítima por trauma na face, com esmagamento craniano. Ao lado do corpo havia um pedaço de madeira estilhaçado.

Informações anônimas deram conta que o autor do assassinato morava a poucos metros do local da agressão. Militares se deslocaram até a casa do suspeito e foram recebidos pela mãe dele, que autorizou a entrada no imóvel. Nos fundos da residência os policiais encontraram o homem visivelmente alterado.

Em conversa com o suspeito, ele relatou aos agentes que era namorado da vítima e que pouco antes do fato, a encontrou em um bar, onde iniciaram uma discussão. Ao sair do estabelecimento acompanhado pela própria mulher, ele pegou um pedaço de madeira, foi em direção à vítima e a golpeou por diversas vezes. Segundo ele, a agressão seria para aplicar uma correção na companheira.

A mãe do suspeito confirmou que os dois tinham um relacionamento. Segundo ela, o casal é usuário de crack e as brigas e agressões entre eles eram constantes. No dia do crime o homem teria bebido pinga durante toda a tarde. Quando a bebida acabou, ele foi até o bar comprar mais e, ao retornar, contou que havia pegado a vítima e “quebrado” ela.

O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Plantão de Betim.

Do Estado de Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário